sexta-feira, 21 de julho de 2017

O QUE SÃO "ESSA GENTE"?

Algumas vezes nos deparamos com situações tão inusitadas que perplexos questionamos se aquilo realmente está acontecendo. Outras vezes são as pessoas que nos surpreendem com atitudes inimagináveis que nos levam a refletir sobre quem é esse ser, será realmente humano? Diante da atual situação brasileira, essa pergunta está martelando a minha cabeça: “o que são essa gente política?”
Seriam uma variável da espécie humana? Mutantes? Um molécula não traduzida de DNA? O que “são essa gente”?
Edison Borba

PROFESSOR – UMA AMEAÇA!

Apesar de sermos bilhões de seres habitando o planeta terra, somos todos “especiais”, ou seja, somos todos diferentes. A individualidade é uma admirável condição, que garante a nós, sermos únicos. Portanto, diante dessa questão, podemos afirmar que os professores são desafiados pela própria natureza. Mas quanto a isso, os mestres são capazes de se multiplicarem. De ser um e ser muitos, de atender às mais diversas perguntas e necessidades. Quem opta pel...a profissão de ensinar, possui características “especiais”.
O professor estimula seres humanos, com os seus conteúdos, criando nos alunos a vontade de ir mais e mais adiante. Nas salas de aula, nascem cidadãos que deverão questionar, entender, buscar conhecer os seus deveres e direitos. Ter uma visão crítica, saber ponderar, buscar informações e não se calar diante de uma dúvida.
Talvez, aqui esteja o nó da questão; se os professores ajudam no desenvolvimento dos potenciais humanos, permitindo que crianças e jovens tornem-se adultos capazes de pensar por seus próprios cérebros, eles (os professores) são uma ameaça.
Calar, assustar, ameaçar professores é uma forma de impedir que nossas crianças e jovens se desenvolvam de forma saudável e se tornem adultos “especiais” capazes de perceber que está na hora de mudar.

Edison Borba
 
 

quinta-feira, 20 de julho de 2017

MEMÓRIAS

Amigos! Ah! Amigos não podemos viver sem eles! Mas, quando eles partem nos deixam a acenar num porto solidão. Acenos, despedidas, abraços, lágrimas e saudade ...
Já perdi tantos! Jovens, alegres e sonhadores! Partiram para uma outra jornada. Deixaram comigo boas lembranças que aquecem meu coração. De cada um ficou um “pedacinho” que hoje, dia do “AMIGO” eu retiro da memória e vou costurando formando uma grande colcha de retalhos onde cada pedacinho se une a outro.
Amigos coloridos! Amigos preferidos! Amigos de longas conversas noite a dentro, “num” perder de horas regadas à café ou vinho, tinha que ser tinto, talvez pela cor que deixava nossas bocas avermelhadas.
Hoje, especialmente hoje, fiz uma visita ao passado e pude reencontrar meus camaradas. Conversamos, lembramos dos sonhos, demos boas risadas, nos emocionamos e marcamos um novo encontro para 2018, dia 20 de julho, aqui mesmo, nas minhas memórias.
Edison Borba
 

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Nana ABSOLUTAMENTE Caymmi


 
RESPOSTA AO TEMPO, foi escrita e composta para a voz de Nana Caymmi. Ao começarmos a ouvir os primeiros acordes a voz desta magnífica Diva da MPB surge em nosso pensamento. A história do jovem padre que se apaixona pela bela prostituta está escrita nos versos desta canção, que foi tema da novela Hilda Furacão.
Delícia para ouvir e sonhar!
Edison Borba 

BRASIL, PAÍS DE DEUSES!


Sim, é isto mesmo, o Brasil é um País de deuses e deusas, não se trata de ídolos adorados por seguidores de alguma religião, são homens e mulheres que possuem o direito de vida e de morte sobre outras pessoas. Para que esta tragédia se torne mais assustadora, a maioria desses seres poderosos, são indicados pelo próprio povo, que eles se encarregam de torturar. São políticos, parlamentares, juízes e até as que se tornam primeiras damas de um lugar qualquer deste País.
Infelizmente, não há perspectivas de que essa situação venha se modificar, pois esses “seres” possuem o poder de procriação e já disseminaram suas crias por todos os lugares desta Terra.
Não vejo luz no fim do túnel! Existem probabilidades deles (os deuses e deusas) manterem os seus eleitores “vivos” (com vida biológica e mas sem vida mental),para que em 2018 eles possam garantir seus lugares à mesa da grande ceia dos malditos.
 
Edison Borba
 
 
 
 

terça-feira, 18 de julho de 2017

A DIFÍCIL ARTE DE MORRER

Hospital, doenças, médicos.
Respiração difícil.
Agulhas, soro, transfusões.
Solidão....
Lágrimas, oxigênio, pressão arterial.
Enfermeiros, tubos, remédios.
Angústia.
Enfermaria, acompanhantes, gazes.
Algodão, injeção, tranquilizante.
Medo.
Paredes brancas, jalecos, sussurros.
Receitas, lençóis, sangue.
Esperança.
Mãos trêmulas , espera, relógio.
Telefonemas, informações truncadas.
Vazio.
Orações, recordações, saudade.
Desapego, abandono.
Tristeza.
Médicos silenciosos
Opiniões e laudos.
Radiografias, tomografias.
Ação sem respiração.
Viver não é preciso.
A morte é precisa.
Chega na hora certa.
Nos leva pelas águas dos misteriosos mares.
Navegar é preciso.
Morrer é difícil.
É preciso saber representar na difícil arte de morrer.


Edison Borba

MARAVILHOSAS DIVAS



Divas, maravilhosas Divas da música mundial lideradas por Aretha Franklin fazem os espectadores perderem o fôlego diante da magia musical dessas estrelas.
Vamos ouvir e nos encantar!
Edison Borba